Páginas

sábado, 18 de setembro de 2010

bope: Dilma mantém 51% e Serra cai para 25%

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, manteve pela terceira pesquisa consecutiva o índice de 51% de intenções de voto, segundo levantamento Ibope/Estado/TV Globo. Nas últimas duas semanas, Marina Silva subiu e Serra oscilou para baixo. O candidato do PSDB variou de 27% para 25%, patamar mais baixo desde o início da campanha eleitoral. Ele tem agora menos da metade do índice da adversária petista. Já Marina atingiu, pela primeira vez, um índice de dois dígitos no Ibope: subiu de 8% para 11%.

Os movimentos coincidem com o acirramento do debate em torno da quebra do sigilo fiscal de tucanos. Serra, pai de uma das vítimas, levou o caso ao programa eleitoral e, em debates e entrevistas, procurou vincular Dilma ao episódio. Marina também cobrou explicações e providências do governo em relação ao caso.

A pesquisa também foi feita após a revelação de envolvimento do filho da ex-ministra da Casa Civil Erenice Guerra em um esquema de tráfico de influência que beneficiava empresas privadas com interesses no governo. O episódio provocou a queda da ministra na quinta-feira - terceiro e último dia da pesquisa.

Com esse resultado, Dilma seria eleita no primeiro turno se a eleição fosse realizada hoje, com 58% dos votos válidos - excluídos os nulos e em branco e os eleitores indecisos. A três semanas das eleições, a pesquisa mostra aumento da expectativa de vitória da petista: para 72%, ela será a sucessora do presidente Luiz Inácio Lula da Silva - há duas semanas, eram 69% os que faziam essa previsão. Os que acreditam em uma vitória de Serra eram 17% e caíram para 14%.

Os índices de rejeição se mantiveram inalterados: 19% para Dilma e 26% para Serra. (AE)

Nenhum comentário: