Páginas

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Enquanto SESPA e SESMA fazem jogo do empurra sobre gratificação, população sofre

Nota SESMA
A Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) informou que não pagará a GDI aos servidores das UREs porque tal pagamento não seria responsabilidade do Município, e sim do Estado. Segundo a Sesma, não houve qualquer contato da Sespa para tratar do assunto com o órgão municipal. Para a Sesma, nem há motivo para um contato, já que não teria responsabilidade no caso. A Sesma informa que, se for notificada pela Justiça, repassará estas mesmas informações.

Nota SESPA
A Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa), por sua vez, acusa a Sesma, “que é gestora do SUS em Belém”, de não ter regularizado o pagamento referente aos serviços prestados pelas UREs. ”Pois é com esse recurso que o Governo do Estado paga a Gratificação de Desempenho Institucional (GDI) aos servidores estaduais lotados nas Unidades de Referência Especializada e Hospitais Estaduais, como o Hospital Regional Abelardo Santos”.
“Assim, a Sespa, por meio da Procuradoria Geral do Estado (PGE), entrará com uma ação denunciando o caso ao Ministério Público Federal (MPF), visto que os recursos são repassados pelo Governo Federal, via Ministério da Saúde, diretamente ao município de Belém”.

Nenhum comentário: