Páginas

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Encontrado armário de operário desaparecido

Eunice Pinto/ Ag. Pa
Um armário com o nome do operário Manoel Raimundo da Paixão Monteiro, um dos desaparecidos no desabamento do prédio Real Class, ocorrido no último sábado (29), foi encontrado pela equipe de buscas no início da noite desta terça-feira (1º). Além do armário, foram retirados dos escombros roupa, bota e capacete.
Com o achado, a equipe acredita estar perto de encontrar mais uma vítima do acidente, que destruiu um prédio em construção e casas próximas, na Travessa 3 de Maio, entre as avenidas governador José Malcher e Magalhães Barata, no bairro de São Brás.
Segundo o comandante geral da operação de busca, major Lima, o trabalho de retirada dos escombros e resgate de possíveis vítimas prossegue com a expectativa de conclusão em duas semanas. "A operação é delicada, e após a retirada de materiais da superfície haverá outra etapa, de análise. Por isso acreditamos que levará em torno de 15 dias para ser concluído", explicou o major.
Continuam trabalhando dia e noite no local cerca de 250 pessoas, entre integrantes da Defesa Civil Estadual e Municipal, Polícia Militar, Guarda Municipal, Cruz Vermelha e órgãos afins, utilizando 15 máquinas pesadas e três cães farejadores. As equipes contam com a tecnologia do aparelho Delsar, que opera em um raio de 60 metros, e tem seis sensores capazes de captar até a respiração humana.
Durante a tarde desta terça-feira aumentou a movimentação de moradores das residências próximas e dos edifícios Londrina e Real Dream. Somente o prédio Blumenau permanece interditado, sem previsão de liberação. Por volta de 20h, cerca de 30 moradores já haviam retornado as suas casas, após vistoria e liberação pela Defesa Civil Estadual e Municipal e pelo Corpo de Bombeiros. (Secom)

Nenhum comentário: