Páginas

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Pará terá investimentos federais para ampliação do transporte hidroviário

O governador Simão Jatene recebeu, na tarde desta sexta-feira (4), um documento com as diretrizes gerais para o desenvolvimento da navegação no Brasil, entregue por Marcelo Perrupato e Silva, secretário de Política Nacional de Transportes, do Ministério dos Transportes. As Diretrizes da Política Nacional de Transporte Hidroviário, elaboradas a partir das metas do Plano Nacional de Logística e Transportes (PNLT), também incluem algumas ações para equacionar entraves que prejudicam o desenvolvimento da navegação no país.
"O documento que apresentamos a Jatene aponta as diretrizes gerais para o fomento à navegação no Brasil, o que obviamente inclui o Estado Pará", informou o secretário.
Dentre as ações citadas no documento, estão os investimentos na área portuária do Pará. "Precisamos desafogar a pressão que os portos do Sul e Sudeste recebem. O Pará está em uma localização muito propícia para importação e exportação. Temos que valorizar e aproveitar isso. Já estamos pensando em um modelo de desenvolvimento para a região", enfatizou Marcelo Perrupato e Silva.
Simão Jatene destacou a importância da iniciativa do Ministério dos Transportes e ressaltou que a articulação entre os governos estadual e federal será fundamental para o desenvolvimento do Estado. "O apoio do governo federal é de suma importância para que todos os nossos projetos se tornem realidade. O sistema hidroviário no Pará será um dos nossos grandes desafios nesses quatro anos de governo", concluiu.
Outeiro - O secretário nacional de Transportes destacou ainda a possibilidade de expandir, no segundo semestre deste ano, o terminal portuário de Outeiro, que fica na ilha de Caratateua, à margem direita da Baía do Guajará, a 20 km, por via fluvial, do porto de Belém.
"Queremos que o Pará seja visto como uma solução para o transporte hidroviário no Brasil, e não como mais um problema", ressaltou Marcelo Perrupato. Ele disse ter saído satisfeito do encontro com o governador, já que "os dois enxergam o futuro com uma dose de realismo".(Agência Pará)

Nenhum comentário: