Páginas

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Real Engenharia anuncia luto três dias depois da tragédia

Três dias depois da tragédia que atingiu o edifício Real Class, no sábado (29), e de uma série de protestos que mobilizaram mais de 500 operários ontem (31), a construtora Real Engenharia anunciou hoje (1º) que a empresa está de luto por uma semana.
Em nota enviada por sua assessoria de imprensa, a Real afirma que “suspendeu as atividades de todos os canteiros de obra”. De acordo com a nota, a decisão foi anunciada por um executivo da empresa. “Suspendemos todas as nossas atividades. Por luto, dispensamos nossos operários e paralisamos nossos trabalhos por uma semana”, afirmou o executivo.
Leia o restante da nota:
“A empresa ratifica que vai tomar todas as providências para preservar e garantir os direitos de seus clientes, proprietários do edifício Real Class. No momento, entretanto, está priorizando os problemas das pessoas que foram atingidas diretamente pelo acidente do edifício que desabou no sábado, 29. Espera que os proprietários das unidades do empreendimento compreendam a necessidade dessa prioridade, considerando-se aspectos humanos das demandas das pessoas que ainda estão desalojadas, hospedadas em dois hotéis de Belém; dos familiares dos operários que estão desaparecidos e da Sra. Maria Raimunda Fonseca dos Santos, já identificada.
Informa ainda que uma equipe integrada por profissionais de várias áreas, inclusive médica e psicológica, reunida em uma Central de Atendimento, está disponível, 24 horas por dia, para receber qualquer tipo de necessidade e encaminhar, junto à direção da Real Engenharia, as providências necessárias, inclusive de proprietários de outros empreendimentos.”

Nenhum comentário: