Páginas

quinta-feira, 3 de março de 2011

Pará será o primeiro estado brasileiro a ter um condomínio universitário


Uma equipe de gestores visitou ontem a área da Granja do Icuí onde serão instalados os núcleos das Universidades Federal (UFPA) e do Estado do Pará (Uepa), do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia (IFPA), Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) e da futura Universidade Tecnológica do Pará (Unitec), a ser criada pelo governo atual. Com este modelo que será adotado, o Pará será o primeiro estado brasileiro a ter um condomínio universitário.

A área possui quase 246 mil metros quadrados e foi visitada no final da tarde desta quarta-feira (2) pelo Prefeito de Ananindeua, Helder Barbalho, pelo presidente do Instituto de Terras do Pará (Iterpa), Carlos Lamarão e pelo Diretor de Desenvolvimento Agrário e Fundiário, Daniel Lopes. Estiveram presentes também durante a visita secretários municipais de Ananindeua, o reitor do Instituto Federal do Pará (IFPA), Edson Ary Fontes, e o Pró-reitor de gestão e planejamento da Universidade Estadual do Pará (Uepa), Manoel Maximiniano Júnior.

O local abrigou, até 2006, a residência oficial dos governadores do Pará. Atualmente, está em funcionamento a parte administrativa da Casa Militar, que é responsável pela segurança e transporte do governador Simão Jatene e familiares, além da cozinha que prepara o cardápio para a refeição do chefe de estado.

Segundo o presidente do Iterpa, o governador Simão Jatene já encaminhou uma minuta de reserva para pedir autorização a Assembléia Legislativa, condicionando a doação da área para a Prefeitura de Ananindeua. "O órgão está só aguardando a aprovação para agilizar o processo de transferência. Como cidadão e morador de Ananindeua, o projeto de construir os pólos das instituições de ensino vai trazer progresso para o município", ressalta Carlos Lamarão.

"A ideia é unir todas as instituições de ensino em um único espaço. Formar uma grande cidade universitária, onde os acadêmicos possam trocar experiências com os demais estudantes de outras universidades", explica o pró reitor de gestão e planejamento da UEPA, Manoel Maximiniano Júnior.

Para o próximo ano os estudantes já poderão se inscrever no processo seletivo em Ananindeua. Novos cursos também serão criados pelas instituições de ensino, segundo o prefeito do município. "Sem dúvida alguma é uma grande conquista para a população da cidade esta parceria feita entre o Governo do Estado do Pará e a prefeitura do município", diz Helder Barbalho.(Ascom Iterpa) 

Nenhum comentário: