Páginas

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Segurança no Ulysses Guimarães

A novela da fragilidade na segurança da Escola Estadual Ulysses Guimarães está deixando os docentes da instituição apreensivos e temerosos. Afinal todo o aparelhamento de segurança aladeardo (interfones com ramais e reformas do muro e portões) após o assalto a sete professores dentro da instituição, não apareceu e não possui perspectiva de chegar. Até mesmo a ronda escolar anda gazetando aulas.
Nem mesmo a chegada da nova diretora, Érica Gonçalves, amenizou os ânimos. Ela foi pressionada logo no primeiro dia de aulas a reivindicar junto à Secretária de Estado de Educação (SEDUC), a segurança necessária para o desenvolvimento das atividades pedagógicas da instituição, caso a Seduc não se posicione até a próxima segunda feira (11), a possibilidade de uma paralisação das atividades não é descartada.

Nenhum comentário: