Páginas

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Servidores da Seduc terão acesso ao Cred-Leitura durante a Feira do Livro

Vinte e dois mil servidores efetivos da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) foram contemplados com o bônus do Cred-Leitura 2011, doi mil beneficiados a mais que no ano passado. Criado em 2005, o bônus faz parte de um programa especial de formação continuada destinado aos profissionais do magistério da Seduc, e tem como objetivo estimular o aprimoramento pessoal e profissional do quadro docente através do acesso a recursos que contribuam com a formação crítica e cidadã desses profissionais, favorecendo o hábito da leitura, com vista à melhoria da prática pedagógica.
O valor do bônus é de R$ 200 e será depositado diretamente na conta bancária do servidor ou emitido pelo banco por meio de um cartão nominal a partir do dia 02 de setembro, quando inicia a programação da XV Feira Pan-Amazônica do Livro, no Hangar - Centro de Convenções e Feiras da Amazônia.
Para ser contemplado é necessário que o servidor seja efetivo, possua carga horária superior a cem horas e esteja inserido em alguns critérios como: ocupar cargo de professor e/ou técnico de magistério; estar lotado em regência de classe ou em projetos educacionais; ser ocupante de cargos e funções técnicas como administrador, orientador, supervisor e especialista em educação; ser professor ou técnico e estar de licença para aprimoramento, prêmio, saúde, maternidade ou paternidade; ser ocupante de cargos técnicos que assessoram diretamente escolas e alunos como bibliotecários, psicólogos, fonoaudiólogos, assistentes sociais e sociólogos.
O bônus deverá ser utilizado exclusivamente nos estandes da Feira do Livro até o dia 11 de setembro, quando encerra a programação. A lista com o nome dos servidores comtemplados com o benefício será divulgada ainda esta semana no site da Seduc (www.seduc.pa.gov.br).
Segundo a coordenação do Sistema de Bibliotecas (Siebe) da Seduc, professores e técnicos lotados nos municípios de Tucuruí e Santarém deverão aguardar os Salões do Livro de seus municípios para receberem o bônus. Em Tucuruí, o salão está previsto para o final de outubro, e em Santarém, para o final de novembro. “Peço aos professores destes municípios que não venham a Belém pegar seu bônus, porque não estará liberado. Eles deverão aguardar as feiras de suas cidades, momento em que o crédito será liberado”, explicou Helen dos Anjos, coordenadora do Siebe.(Ascom/Seduc)

Nenhum comentário: