Páginas

terça-feira, 24 de abril de 2012

Propaganda extemporânea

Faltam poucos meses para conhecermos o nome do “novo” prefeito de Belém. Novo, só mesmo o nome, afinal os candidatos ao cargo são velhos conhecidos da população. O cardápio está variado, mas para hoje, apenas três trataremos. Representado a classe dos aposentados e ex. governadores, Almir Gabriel (PTB), que por sinal, já está fazendo campanha na televisão, ao lado do atual prefeito, graças aos santos minutos institucionais destinados ao partido. Já as crianças, leite, praças e obras faraônicas, sem qual qualquer objetivo, serão representadas por Edmilson Rodrigues (PSOL). Ah... Que também utiliza a tática de apropriação dos minutos institucionais, destinados ao partido, para promover-se. 
Pelos interesses dos espertinhos e apressadinhos, o representante e Arnaldo Jordy (PPS)- que se auto-rotula: “Deputado perfeito”- mas utiliza a mesma estratégia da oposição. O deputado esqueceu o objetivo dos minutos institucionais do partido, e também está promovendo-se, e até criou musiqueta para animar: “Belém ainda tem jeito, o jeito está aí”, só falta falar Jordy! 
É nesse momento que me pergunto, onde estão os Procuradores eleitorais e a Justiça eleitoral? Afinal é escancarada a propaganda extemporânea dos candidatos a prefeitura de Belém e elas permanecem no ar, até quando?

Nenhum comentário: