Páginas

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Pará na OEA

O atendimento de urgência e emergência do Pará faz parte dos cinco dossiês a serem entregues, em audiência em fevereiro próximo, pela Federação Nacional dos Médicos (Fenam) à Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA). Os dossiês relatam históricos de macas em corredores, condições precárias de trabalho, filas de espera para o atendimento, falta de medicamentos e aparelhos de auxílio de diagnóstico, equipes incompletas e atrasos nos pagamentos de plantões, salários e gratificações. Em Belém, a Fenam visitou, em novembro do ano passado, dois hospitais de urgência e emergência – o Metropolitano e o PSM da 14, concluindo que o quadro é de calamidade pública.

Nenhum comentário: