Páginas

terça-feira, 7 de julho de 2015

O despreparo do governo do Pará

Mais de 500 mil pessoas na grande Belém foram afetadas pela falta d’água, que segundo a Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa), foi provocada por um incêndio no comando da Estação Bolonha, ocasionando um “pequeno” atraso, algo em torno de 48 horas, para a normalização do abastecimento de água. Ao que tudo indica a água também tirou férias.
Contudo, o que mais chamou atenção neste lastimável episódio fora a falta de preparo do governo do Pará. Por que tanta demora a dar uma explicação à população pelo atraso? Cadê as peças publicitárias feitas em horas? Era um caso emergencial e houve tempo para tanto, já que o incêndio ocorreu por volta do meio dia do domingo (05). Ah... Tais peças publicitárias servem unicamente para atacar professores em greve?!
Houve espaço até mesmo para a segregação social. O abastecimento foi restabelecido em apenas oito bairros nesta segunda-feira (06), mas nos centrais como Nazaré e o Reduto. E as periferias? Merecem ficar sem água?
A Cosanpa há 30 anos é detentora do serviço de abastecimento de água e da implantação de esgotamento sanitário, não houve tempo para a estruturação de plano a ser acionado em momentos emergenciais? É um despreparo que beira a incompetência!      

Nenhum comentário: