Páginas

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Números de emprego no turismo do Pará

Nos últimos dez anos, o turismo vem mostrando um crescimento substancial como atividade econômica e geradora de empregos em vários estados.  Em alguns, os números são ainda mais expressivos, como acontece no Pará, onde no período entre os anos 200 e 2010, os empregos formais (com carteira assinada) do setor, saltaram de 15.174 para 54.446.  Mais da metade, 28.588 foram no interior.
 Os dados foram considerados significativos e altamente positivos pelo secretário Adenauer Góes, foram divulgados através pesquisa realizada pela Paratur e o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos(Dieese). Somente no primeiro semestre de 2011 foram feitas 11.941 admissões, com 841 empregos acima do numero de demissões.
 Foram analisados serviços de transporte, alojamento, alimentação, agências de viagem, cultura e lazer
Considerando as contratações de acordo com o gênero, a pesquisa mostra que o setor ainda dá muito mais oportunidades aos homens do que às mulheres. Durante o primeiro semestre, foram contratados 7.753 e desligados 6.946 homens. Já entre as mulheres, foram 4.188 contratações e 4.154 demissões. No final, o saldo foi de 807 novos empregos para homens e apenas 34 novos postos para mulheres.
 “Esta é a primeira vez que conseguimos uma amostragem da geração de empregos pelo turismo no Pará. É importante para que possamos elaborar e criar políticas públicas que favoreçam o crescimento ordenado do setor, assegurou Adenauer
 Outro ponto analisado pelo estudo foi o período do ano quando há mais contratações. “Ao contrário do que pensamos, a geração de empregos vinculados ao turismo não está diretamente ligada aos meses de alta temporada, como julho e janeiro, ou com datas comemorativas, como o Círio”, informa o técnico do Dieese, Roberto Sena.  O próximo passo a ser mapeado será o do turismo informal. (AE)

Nenhum comentário: